segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Eunice Muñoz celebra hoje 70 anos de carreira com peça política


Duas mulheres encerram-se dentro de um teatro em ruínas para impedir que feche portas. Por muito insólito que pareça, aconteceu realmente na Argentina dos anos 80 e inspirou o espanhol José Sanchis Sinisterra que acabou por escrever ‘O Cerco a Leningrado’, que estreia hoje, no Auditório Eunice Muñoz, em Oeiras. O espectáculo, que tem encenação de Celso Cleto, assinala também os 70 anos de carreira de Eunice Muñoz, que protagoniza a peça ao lado de Maria José Pascoal.


Links:

3 comentários:

pinguim disse...

É obra!!!!

Anónimo disse...

Salve Grande Dama!
Desde aquela calorosa estadia com o Antônio, Teresa e nossas crianças em Albufeira nos idos dos anos 70 pré-cravos - até Zeca Afonso veio nos visitar... - não nos vemos mas folgo em saber que continuas em plena forma!
Grande abraço < Jorge Mourão >

Maria Augusta disse...

Eunice Munôz,uma grande senhora,representa a arte ,a essência do ser.Soube sempre trazer ao mundo,aquele coração tão cheio de alma...quer na representação, quer na declamação......Só uma pessoa, com uma energia tão sublime e com a noção tão real das raízes que a abraçaram na vida, é capaz de pulsar ás várias gerações a garra de se viver- Tem sabido dar ao mundo o outro nosso mundo desconhecido,a alma.